sexta-feira, 10 de fevereiro de 2012

Papo Livre: Varekai

O papo livre hoje seria sobre o show do U2, mas eu preferi escrever sobre o Cirque du Soleil hoje porque quem é de BH tem oportunidade de ver o espetáculo até domingo, dia 12/02... e a próxima parada será em Brasília. Então acredito que dê tempo de correr, quem ainda não viu.

Ouvir considerações de outras pessoas e ver pela televisão é uma coisa... ver o Cirque du Soleil de perto é OUTRA... e outra coisa completamente inexplicável... Então começo esse post dizendo: VÁ! Não deixe de ir quando você tiver oportunidade. Mas VÁ MESMO! E depois disso você me compreenderá. E quem já foi entende o que eu estou dizendo.
O Cirque du Soleil se apresenta em BH pela terceira vez... já passaram por aqui os espetáculos Alegria, Quidam e agora o Varekai... no Brasil, mas não em BH, já foi possível assistir ao Saltimbanco também.
E algo que me fará não perder nunca mais um espetáculo do Cirque du Soleil é que eu soube, através da Barbara, uma colega que trabalhou na equipe de apoio do  Alegria, que um espetáculo itinerante do Cirque NUNCA MAIS volta por onde passou... ou seja, se você não for quando eles vierem atrás de você, só te resta ser rico e correr atrás deles pelo mundo, caso você seja rico, né?
Então... as duas vezes que eles passaram aqui por BH não dei atenção... achava caro, sei lá... acho que faltou alguém pra me incentivar e que dessa vez eu tive. O responsável por isso é meu colega/amigo Ramon. Ele foi na semana anterior e me fez querer ir... chegou na empolgação que eu estou hoje, talvez um pouco menos descompensado que eu, e me convenceu. E eu queria tanto levar minha mãe...
Ahhhhhhh meu Deus! E a grana? Putz! É caro!* Mas divide e eu COMPREI!

Eis que chegou o dia da ida ao famoso Cirque de Soleil...
Pra começar a estrutura e organização. Tudo lindo e perfeito! Mas o lanche e a lojinha de produtos do circo uma FACADA, né? A camiseta mais barata era R$70,00, copos por R$60,00, cadernetas R$25,00... e isso que eu só tô contando o mais barato.
O cachorro quente é vendido pela bagatela de R$12,00 e o que vale mais a pena comprar é um balde de pipoca por R$23,00, mas que vale por levar o balde pra casa. E só!

No começo do espetáculo meus olhos ficaram marejados e eu fiquei de cabelo em pé... A música é ao vivo... fiquei impressionada! Claro que tem muitos efeitos musicais eletrônicos, mas é perfeito.
Cenário e iluminação perfeitos... um sincronismo entre todos os "setores" de tirar o chapéu e aplaudir de pé... o que acontece, obviamente.
E descrever o espetáculo é IMPOSSÍVEL... por isso deixo aqui algumas fotos que expressam um pouco... mas é um pouco MESMO! Porque nada se compara a vivenciar. Ah! Esse é outro detalhe importantíssimo! Não se pode tirar NADA de fotos lá dentro pra não desconcentrar os artistas... gente! E isso é muito importante mesmo. E ninguém dispersa com o celular... o que é legal demais.


* Depois que vc assiste o caro fica relativo... porque a estrutura, equipe enorme e o SHOW, merecem cada centavo.

4 comentários:

Lulu on the Sky® disse...

Nunca fui, mas deve ser emocionante.
Big Beijos

Lu ® disse...

Bota emocionante nisso.

Dan disse...

Oieee. Sou de Brasília e meu esposo comprou nossos ingressos pra próxima semana. Porém tenho um bebê que está com 4 meses e estou receosa sobre o barulho e efeitos especiais. Qdo vc foi viu algum bebê por lá? Obrigada.

Lu ® disse...

Olá Dan!
Eu não recomendaria levar crianças muito pequenas... tenho um sobrinho de 1 ano e 4 meses e indiquei para a minha irmã que não o lavasse...
As músicas são altas, faz algum barulho que pode assustá-lo, as luzes se apagam... enfim... vc correria o risco de não assistir nada, pois se ele chorar vc terá que acabar saindo da tenda.
Vi crianças por lá sim, mas de 3 anos pra mais. Espero ter ajudado! Abs!

 
eXTReMe Tracker