quarta-feira, 29 de agosto de 2007

Questão de orgulho...

Um post longe da abordagem deste blog, mas de tamanha importância pra mim...

Neste final de semana teremos a apresentação do Auto da Compadecida no Teatro Alterosa em Belo Horizonte. Serão 3 sessões - sexta e sábado às 21:00 e domingo às 19:00.
Sim, sim... já vi a série e o filme mais de uma vez... ir ao teatro pra que?
Longa história...
Primeiro acho que devemos valorizar a arte, principalmente valorizar àqueles que se dedicam e ajudam outras pessoas através dela.
Esse é o caso de Socorro Rapôso que, pelo que tenho pesquisado na internet, me bateu um orgulho danado. Ela é a queridinha Compadecida de Suassuna (que eu também tenho a maior admiração) e tem um destaque maravilhoso no teatro nacional e pernambucano e leva a arte no coração. Também faz trabalhos em uma fundação criada por ela em Recife.
Conheci a Socorro, pra mim Tia Socorro, não devia ter nem 2 anos numa cadeira de dentista no, até então, INPS. Minha dentição de leite nasceu com muitos problemas (sem esmalte) e nessa idade uma cadeira de dentista era muito normal pra mim... Sem grana na época, minha mãe me levava ao INPS e por MUITA SORTE, Socorro, que também é dentista, me adotou! Levava materiais do consultório particular dela pra me atender e era imensamente nossa amiga... Fazia coisas por mim que nenhum outro dentista do mundo faria, tenho certeza. Até hoje ainda tenho uma boneca que ela me deu, a Júlia.
Quando ela resolveu ir embora de BH de volta para o Recife, tiveram que mentir pra mim dizendo que o dentista que iria me atender era primo dela... senão NUNCA MAIS eu sentaria naquela cadeira... assim amenizou. Pouco, mas amenizou.
Desde aquela época, mil novecentos e oitenta e alguma coisa mantivemos um contato anual por telefone... SEMPRE, SEMPRE! Minha mãe, nunca deixou de alimentar essa amizade pelo anjo em que ela foi na minha vida... O carinho sempre foi recíproco e isso é muito legal, muito mesmo!
Sempre falava comigo ao telefone de uma forma tão positiva, com aquele sotacaço pernambucano... O máximo.
Engraçado é que toda vez que minha mente trabalha de uma forma diferente, tipo assim: "quais as pessoas eu tenho que lembrar na vida" ou "quem eu me lembraria antes de morrer"... O primeiro nome que vem é o dela... Como é que pode, né? Só pode ser anjo mesmo...

E esse final de semana ela está aqui!

Algumas matérias sobre ela:

3 comentários:

Van Dog disse...

Que bonito...

Lulu disse...

Lu, a petição ta parada por enquanto.
Big Beijos

Julis disse...

Pena que é em BH, sou fã desse filme a peça deve ser tão boa quanto o filme/seriado.
E que do bem a Socorro heim menina!

 
eXTReMe Tracker